Solidariedade contra o bloqueio e o terrorismo

A abertura da exposição fotográfica ‘Solidariedade vs. Bloqueio’ constituiu uma clara evidência para lembrar a injusta prisão que sofreram os Cinco Heróis, apreendidos em 12 de setembro de 1998 e liberados pela voz unânime daqueles que exigiram sua liberdade durante mais de uma década em Cuba e no mundo.

As fotos, exibidas na sede havanesa do Instituto Cubano de Amizade com os Povos (ICAP), flagram as ações desenvolvidas por amigos solidários do mundo para apoiar a Revolução Cubana nos projetos de desafios como a Caravana dos Pastores pela Paz, e as brigadas Venceremos e Juan Ríus Rivera, integradas por cidadãos estadunidenses e de Porto Rico que reclamam seu pleno direito de viajar a Cuba sem pedir licenças ao Departamento do Tesouro. Continuar lendo

Enquanto houver bloqueio, haverá debate nas Nações Unidas

Photo: Cubaminrex

Texto na íntegra da apresentação do Relatório de Cuba sobre a Resolução 70/5 da Assembleia Geral das Nações Unidas, intitulada ‘Necessidade de pôr fim ao bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos Estados Unidos da América

 

Apresentação do Relatório de Cuba sobre a Resolução 70/5 da Assembleia Geral das Nações Unidas, intitulado ‘Necessidade de pôr fim ao bloqueio econômico, comercial e financeiro imposto pelos Estados Unidos de América contra Cuba’, pelo ministro das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez Parrilla, perante a imprensa nacional e estrangeira presente em Havana, no MINREX, em 9 de setembro de 2016, “Ano 58º da Revolução”

 

(Tradução da versão estenográfica do Conselho de Estado)

• Moderador.— Encontram-se presentes um total de 66 correspondentes de 34 meios de imprensa estrangeiros de 18 países, além dos representantes dos principais órgãos da mídia nacional.

Este comparecimento está sendo transmitido ao vivo pelos canais Cubavisión, Cubavisión Internacional e Telesur, bem como por Radio Habana Cuba e Radio Rebelde, e na Internet através do canal YouTube, no site http://www.cubacontrabloqueio.cu.

Continuar lendo

Bolívia reconhece contribuição de Fidel à libertação dos povos

LA PAZ.— Organizações sociais, políticas e culturais bolivianas destacaram, em 20 de julho, as contribuições do comandante-em-chefe Fidel Castro à emancipação dos povos do mundo, ao apresentar um programa de celebrações pelo 90º aniversário do líder da Revolução Cubana.

Em declarações à Prensa Latina, a porta-voz de um comitê criado para comemorar essa data, Marianela Prada, assegurou que o destacado líder político está presente no pensamento e ação dos bolivianos e de todo aquele que se sinta comprometido com a luta antiimperialista.

De seu exemplo de internacionalismo aprendemos cada dia. O povo boliviano está eternamente agradecido a Fidel Castro e Cuba por todas as ações de solidariedade concreta como o envio de brigadas médicas e educativas ao nosso país, indicou. Continuar lendo

Música de sexta: Silvio Rodríguez

A partir de agora, o blog passa a recomendar músicas do cancioneiro latinoamericano aos nossos leitores todas as sextas-feiras. Começando com aquele que é um dos símbolos da canção necessária: Silvio Rodríguez.

Expoente da música cubana surgida com a Revolução Cubana, Silvio é um dos cantores cubanos contemporâneos de maior relevo internacional, criador juntamente com Pablo Milanés e outros músicos o movimento da Nova Trova Cubana. Considerado um poeta lúcido e inteligente, capaz de sintetizar o intimismo e os temas universais com a mobilização e a consciência social.

Sua mensagem de trovador, sua sensibilidade como compositor, fazem de Silvio Rodriguez um dos mais expoentes músicos da América Latina e do mundo. Em razão de um injusto embargo, um bloqueio que não é obviamente apenas econômico, mas também de ideias, além de (do lado de cá) um período ditatorial que bloqueou o acesso à cultura cubana, o povo brasileiro desconhece a complexidade e beleza de um cantor popular de vida e obra tão singulares. Que vivam as ideias de Silvio! Que viva sua poesia!

Câmara de Representantes dos EUA recrudesce bloqueio a Cuba

Fonte: Prensa Latina

Com a aprovação na Câmara de Representantes de novas medidas restritivas contra Cuba, permanece vigente o bloqueio econômico, comercial e financeiro que os Estados Unidos impõe à ilha há mais de meio século.

Um grupo de cláusulas – todas dirigidas a recrudescer a brutal medida unilateral aplicada há 54 anos – foram incluídas no projeto de lei do orçamento de serviços financeiros, que foi aprovado na Câmara baixa do Congresso estadunidense.

Entre elas ressaltaram as proibições de viajar a Cuba para certos intercâmbios educativos nos chamados intercâmbios “povo a povo”, importar bens confiscados pelo Governo cubano, assim como impedir que se executem transações financeiras que envolvam militares cubanos. Continuar lendo