‘Dia do Idioma’ será festejado em Cuba com um novo dicionário

Fonte: Cosas del Chago

 

cuarta_edicion_diccionario_basico_escolar

 

Santiago de Cuba, 2o de dezembro – Um dos mais “perseguidos” pela família cubana, o Dicionário Básico Escolar – produção científica dentre as de maior impacto na educação em Cuba- retornará à Feira Internacional do Livro 2015, em sua quarta edição, que inclui, entre outras inovações, mil novas entradas.

Segundo o Dr. C. Leonel Ruiz Miyares, diretor do Centro de Lingüística Aplicada (CLA), instituição criadora desta maravilhosa ferramenta, uma das alterações é que os verbos serão conjugados, variação que irá possibilitar que os alunos se apropriem mais da língua espanhola e a empreguem mais facilmente no texto.

“Nós melhoramos algumas definições e significados, e enriquecemos a obra com novas palavras que são muito necessárias para os estudantes, tanto na vida acadêmica quanto em qualquer trabalho diário”, disse Ruiz.

Diferentemente da versão impressa da quarta edição do Dicionário Básico Escolar, a modalidade digital, que foi lançada antes, foi promovida em todo o país em uma caravana científica, incluindo um maior número de imagens, cerca de 628 mil em cores, e mais de 50 vídeos, com recursos interativos que permitem uma melhor compreensão da língua espanhola e que são mais atraentes para os estudantes.

O Dicionário Básico Escolar é uma das produções científicas mais importantes do Centro de Lingüística Aplicada, uma prestigiada instituição fundada em Santiago de Cuba pelos PhDs Eloina Miyares Bermudez e Julio Vitélio Ruiz Hernández.

Em cada edição, o texto é enriquecido com novas entradas, seus significados, definições, imagens e no formato digital, são incluídos um maior número de fotos e vídeos.

O acervo de palavras prioriza diferentes esferas da realidade, especialmente os aspectos da vida social, da natureza, da ciência, da cultura, dos esportes e de inúmeros outros elementos novos que permitem a atualização dos conhecimentos.

As novas palavras pertencem à língua geral espanhola contemporânea e foram tomadas de várias fontes: jornais, livros escolares em todos os níveis de educação, revistas cubanas para jovens, entre outros.

Várias entradas foram selecionadas a partir do corpo das palavras em um estudo realizado no Centro de Linguística Aplicada sobre o uso dos afixos por alunos da escola secundária.

No trabalho aparecem também alguns cubanismos, americanismos e, em menor quantidade, anglicismos e galicismos, como reflexo das características do espanhol falado em Cuba.

 

Tradução e edição: Juliana MSC

Anúncios

Um comentário sobre “‘Dia do Idioma’ será festejado em Cuba com um novo dicionário

Deje su comentario - Deixe seu comentário - Leave your comment

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s