Brasil e Alemanha querem postura mais dura da ONU sobre espionagem

ISAPE

Brasil e Alemanha querem que Nações Unidas tenham postura mais dura sobre atos de espionagem e vigilância ilegal. Um ano após proposta de resolução que condena vigilância ilegal e arbitrária, os dois países apresentaram novo texto à Aseembleia Geral da ONU que chama interceptação de metadados como atos “altamente intrusivos”.

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Ver o post original 292 mais palavras

Anúncios

Deje su comentario - Deixe seu comentário - Leave your comment

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s